| 1 comentários ]


Sou o gosto que busca em tua boca

A agua que seca nos poros do desejo

Estrela que brilha entre tantas cadentes

Sol e Lua em manto que me cobre ao vento


Você é brilho que não consigo ofuscar

É ar que respiro, coração a bailar

É sal do mar, pássaros no ar

Você é infinito se eu pudesse tocar


Eu e você somos curvas no vento

Estrada de caminhos a chegar

Somos o ar que respiramos em um beijo


Eu e você somos incertos momentos

Somos tempestade as vezes sem vento

Somos náufragos em um mar chamado tempo...


S_Adverso
Desejos de Corpo e Alma